terça-feira, 28 de agosto de 2012

DEFESA DA MONOGRAFIA: BLOG NA EDUCAÇÃO INFANTIL USP

No dia 25/08/2012, em São Paulo , na Cidade Universitária USP, defendi a monografia: O blog na Educação Infantil, trata-se de uma pesquisa-ação feita com meus alunos do Maternal II, da Creche Educandário José Willibaldo de Freitas.

















Obrigada DEUS, por ter permitido eu estar bem para viajar, fui à São Paulo, na USP, defender a monografia: Blog na Educação Infantil, é uma pós graduação em que me formei em Especialista em Mídias,pela EPROINFO.
Estou muito feliz eu e minha filha Roberta fomos muito bem recebidas pelas professoras Kassandra e Josete que fizeram parte da Banca e que orientaram durante todo processo.
Me senti muito à vontade para relatar todo trabalho desenvolvido no blog: 

www.projetovilma.blogspot.com


Também no blog: www.vilmaprojetovida.com.br , onde foram postados resultados desta pesquisa-ação.Hoje está sendo divulgado para todos tomarem conhecimento dos trabalhos realizados.
Recebi o atestado de conclusão da pós, ainda vou receber em casa o certificado.Foram 3 anos e meio de muito trabalho e dedicação e muita, mas muita persistência foram inúmeras vezes que me vi em tanto apuro para resolver as tarefas que o curso exigia.Mas DEUS sempre esteve presente comigo e permitiu que eu aprendesse para proporcionar aos meus alunos uma educação Inovadora, na qual eles são os protagonistas durante todo processo de aprendizagem.Foram pesquisas realizadas , compartilhadas e retratadas por eles .Agradeço aos pais por permitirem a realização desta pesquisa e a postagens nos blogs.
Agradeço à minha família que me incentivaram durante a realização desta pós.
À Natalina (Supervisora de Ensino de Novo Horizonte),ela foi responsável pela minha matrícula nesta pós graduação e sempre me incentivou.
Ao Paulo e a coordenadora Magali que me permitiram dobrar período na Creche Educandário José Willibaldo de Freitas um cargo efetivo na Educação Infantil e outro Processo seletivo deste ano, assim permitiu que eu aprofundasse minhas pesquisas.
À Ivanilda(diretora), permitiu a realização de todos os trabalhos, confiando totalmente durante todo período de pesquisa, sempre apoiando e dando todo respaldo necessário.
Aos meus alunos queridos que colaboraram com seus conhecimentos prévios e pelas pesquisas aumentaram as bagagens de conhecimentos, aprenderem de forma concreta, o que eu tenho certeza, jamais esqueceram tudo que vivenciamos.A aprendizagem foi para a vida.
Ao Mestre Celso Antunes que sempre me orientou, incentivou e me ajudou nesta caminhada pela busca do saber.
Às professoras: Etiane , Josete e todos outros que passaram por minha trajetória durante este curso, permitindo que eu aprendesse, cada vez mais pelo compartilhamento de conhecimentos.
À professora Kassandra Brito de Carvalho, não tenho nem como agradecer tudo que fez por mim, o que me ensinou e me incentivou em vários momentos na realização desta pós.Verdadeira Mestra que abriu os caminhos, que ajudou em momentos difíceis que passei., me orientou com sabedoria.

Recebi da Banca na USP o conceito máximo( Plenamente Satisfatório) com a Monografia: Blog na Educação Infantil.




Estou muito emocionada e muito feliz por mais uma etapa vencida.Espero um dia que todas professoras possam ter seu blog, assim como eu.Obrigada meu Deus!



A entrega do título: Especialista em Mídias na Educação ( USP)



video


Querida amiga Vilma
Quando se admira alguém com a dimensão de meu afeto, o sucesso alheio é nosso também. Eu aqui e voce aí, vamos comemorar com entusiasmo a alegria dessa conquista.
Claro que vou examinar o projeto, reafirmando que sempre que desejar conte com este velho amigo. Parabéns.
CELSO Antunes












terça-feira, 14 de agosto de 2012


O que é Folclore
Podemos definir o folclore como um conjunto de mitos e lendas que as pessoas passam de geração para geração. Muitos nascem da pura imaginação das pessoas, principalmente dos moradores das regiões do interior do Brasil. Muitas destas histórias foram criadas para passar mensagens importantes ou apenas para assustar as pessoas. O folclore pode ser dividido em lendas e mitos. Muitos deles deram origem à festas populares, que ocorrem pelos quatro cantos do país.
As lendas são histórias contadas por pessoas e transmitidas oralmente através dos tempos. Misturam fatos reais e históricos com acontecimentos que são frutos da fantasia. As lendas procuraram dar explicação a acontecimentos misteriosos ou sobrenaturais.

Os mitos são narrativas que possuem um forte componente simbólico. Como os povos da antiguidade não conseguiam explicar os fenômenos da natureza, através de explicações científicas, criavam mitos com este objetivo: dar sentido as coisas do mundo. Os mitos também serviam como uma forma de passar conhecimentos e alertar as pessoas sobre perigos ou defeitos e qualidades do ser humano. Deuses, heróis e personagens sobrenaturais se misturam com fatos da realidade para dar sentido a vida e ao mundo.

Algumas lendas, mitos e contos folclóricos do Brasil:
Boitatá

Representada por uma cobra de fogo que protege as matas e os animais e tem a capacidade de perseguir e matar aqueles que desrespeitam a natureza. Acredita-se que este mito é de origem  indígena e que seja um dos primeiros do folclore brasileiro. Foram encontrados relatos do boitatá em cartas do padre jesuíta José de Anchieta, em 1560. Na região nordeste, o boitatá é conhecido como "fogo que corre".

Boto

Acredita-se que a lenda do boto tenha surgido na região amazônica. Ele é representado por um homem jovem, bonito e charmoso que encanta mulheres em bailes e festas. Após a conquista, leva as jovens para a beira de um rio e as engravida. Antes de a madrugada chegar, ele mergulha nas águas do rio para transformar-se em um boto.

Curupira

Assim como o boitatá, o curupira também é um protetor das matas e dos animais silvestres. Representado por um anão de cabelos compridos e com os pés virados para trás. Persegue e mata todos que desrespeitam a natureza. Quando alguém desaparece nas matas, muitos habitantes do interior acreditam que é obra do curupira.

Lobisomem

Este mito aparece em várias regiões do mundo. Diz o mito que um homem foi atacado por um lobo numa noite de lua cheia e não morreu, porém desenvolveu a capacidade de transforma-se em lobo nas noites de lua cheia. Nestas noites, o lobisomem ataca todos aqueles que encontra pela frente. Somente um tiro de bala de prata em seu coração seria capaz de matá-lo.

Mãe-D'água

Encontramos na mitologia universal um personagem muito parecido com a mãe-d'água : a sereia. Este personagem tem o corpo metade de mulher e metade de peixe. Com seu canto atraente, consegue encantar os homens e levá-los para o fundo das águas.

Corpo-seco

É uma espécie de assombração que fica assustando as pessoas nas estradas. Em vida, era um homem que foi muito malvado e só pensava em fazer coisas ruins, chegando a prejudicar e maltratar a própria mãe. Após sua morte, foi rejeitado pela terra e teve que viver como uma alma penada.

Pisadeira

É uma velha de chinelos que aparece nas madrugadas para pisar na barriga das pessoas, provocando a falta de ar. Dizem que costuma aparecer quando as pessoas vão dormir de estômago muito cheio.

Mula-sem-cabeça

Surgido na região interior, conta que uma mulher teve um romance com um padre. Como castigo, em todas as noites de quinta para sexta-feira é transformada num animal quadrúpede que galopa e salta sem parar, enquanto solta fogo pelas narinas.

Mãe-de-ouro

Representada por uma bola de fogo que indica os locais onde se encontra jazidas de ouro. Também aparece em alguns mitos como sendo uma mulher luminosa que voa pelos ares. Em alguns locais do Brasil, toma a forma de uma mulher bonita que habita cavernas e após atrair homens casados, os faz largar suas famílias.

Saci-Pererê

O saci-pererê é representado por um menino negro que tem apenas uma perna. Sempre com seu cachimbo e com um gorro vermelho que lhe dá poderes mágicos. Vive aprontando travessuras e se diverte muito com isso. Adora espantar cavalos, queimar comida e acordar pessoas com gargalhadas.

Curiosidades:
- É comemorado com eventos e festas, no dia 22 de Agosto, aqui no Brasil, o Dia do Folclore.

Lindas lendas, vale a pena conferir:

Boto Rosa turma da monica.pdf
curupira.pdf
Iara Turma da Monica.pdf
Lobisomem Turma da Monica.pdf
mula SEM cabeça.pdf
Saci - Turma da Mônica.pdf


Montamos um livro com as lendas trabalhadas
Criamos textos coletivos e pintamos.

CAPA:









Fichas de Leituras a coordenadora Magali nos emprestou em HTPC.











Vejam nossas fotos, que lindos!!!










Prendemos o Saci na garrafa.



domingo, 12 de agosto de 2012

Passeio pela Creche Educandário

Foi muito gostoso nosso passeio




Dona Cida




No jardim



Seu Sylvio





Escadas 



Tia Eliana nos falando sobre limpeza e cuidados com a escola




Du acha que é grandão...


Na sala de aula do Pinheiro Machado


Na biblioteca






Tia Elisângela


Só relaxando...


Tia Elisângela e Sueli(a vovó) no Bazar



Ivanilda e os pimpolhinhos no jardim




Não medimos esforços para fazê-los felizes.